sexta-feira, 23 de setembro de 2016

Estudante arremessa porta-lápis e fere vice-diretora de escola



A vice-diretora da Escola Municipal de Ensino Fundamental Altino Arantes, em São Paulo, ficou ferida na testa depois de ser agredida por um aluno na última segunda-feira (19). 
De acordo com a Veja, o menino arremessou um porta-lápis contra ela. Em nota, a assessoria de imprensa da Secretaria Municipal de Educação informou que o aluno não tinha “intenção de atingir qualquer pessoa”. 
A pasta também justifica que Shirlei foi atendida logo após o ocorrido. O filho e advogado da vice-diretora, Anselmo Maia, alegou que a família não vai se pronunciar sobre o caso. “Preferimos resguardar nossa mãe. Foi um acidente no âmbito escolar e não tudo isso que vem sendo dito pelas redes sociais. Minha mãe está se recuperando”, disse à Veja.

TSE: ELEITOR GASTARÁ MENOS DE 1 MINUTO PARA VOTAR

TSE estima que eleitor gaste menos de minuto para votar.

A estimativa do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é de que o tempo médio de votação no dia 2 não ultrapasse um minuto. O tribunal levou em conta o tempo gasto pelo eleitor em 2008 (31 segundos) e na última eleição (40 segundos).
O tempo, segundo o TSE, é calculado desde o momento em que o eleitor se dirige à urna e confirma votação para vereador e, na sequência, prefeito.
A orientação ao eleitor é que vá à seção já com os números dos seus candidatos anotados, a “colinha”.

PREFEITURA FISCALIZA BENEFICIÁRIOS DO PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA EM ITABUNA

Itabuna está entre os municípios brasileiros que receberam notificação do Ministério Público Federal (MPF) recomendando a revisão de cadastros de pessoas que recebem o benefício do Programa Bolsa Família e estão elencados em quatro perfis suspeitos de não possuírem requisitos específicos para recebimento de tal benefício. A Secretaria Municipal da Assistência Social (SAS) recebeu uma lista contendo nomes de 967 famílias que se enquadram nesta situação.
Cartão Bolsa-Família
Por isso, a partir de segunda-feira, dia 26, as famílias listadas receberão a visita dos auditores locais do Programa Bolsa Família nas residências indicadas no Cadastro Único, a fim de averiguar os dados informados e responder à recomendação do Ministério Público Federal. Esta é a primeira fase do Projeto Raio-X Bolsa Família. Se comprovado, o recebimento indevido de benefícios do Governo federal pode acarretar penalidades previstas no Regulamento dos programas sociais.
As famílias que receberam recursos do Bolsa Família, mesmo sem ter mais o perfil para participar do programa, podem fazer a devolução voluntária dos recursos. De acordo com o Ministério Público Federal a primeira fase do Projeto Raio-X Bolsa Família consiste em recomendar aos municípios a visita às famílias com indicativos de renda per capita superior ao estabelecido pelo programa e a revisão dos cadastros.
PRAZO
Após o cumprimento das recomendações, os municípios também deverão informar ao MPF quais foram os benefícios cancelados, com prazo de 60 dias para resposta. Em Itabuna o prazo estipulado é o dia 30 de outubro, mas a SAS já solicitou maior prazo, mas sem resposta ainda da Procuradoria Regional do Ministério Público Federal.
Aviso Bolsa Família
O projeto Raio-X Bolsa Família, patrocinado pelas Câmaras Criminal e de Combate à Corrupção do MPF, identificou, a partir de ferramenta de inteligência desenvolvida pela própria instituição, quatro perfis suspeitos de beneficiários: falecidos, servidores públicos, doadores de campanha e empresários. O levantamento, de abrangência nacional, é inédito porque não parte da autodeclaração de renda do cidadão, mas sim da análise do cruzamento de dados públicos fornecidas por diversas instituições, como Tribunal de Contas da União (TCU), Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Receita Federal e do próprio Governo Federal, por meio da Secretaria Nacional de Renda e Cidadania (Senarc).
Existem várias casos em que a situação econômica da família muda, alterando seu perfil de renda (total e por pessoa). Por exemplo: alguém conseguiu ou perdeu um emprego; um integrante morreu; outro se mudou e formou nova família, etc. Se essas mudanças não forem informadas, os dados da família no Cadastro Único para Benefícios Sociais do Governo Federal (Cadastro Único) ficarão desatualizados.
PERFIS
Quando a devolução voluntária ocorre antes de ser recebida alguma denúncia ou aberto processo de fiscalização contra o beneficiário e o valor a ser devolvido corresponda ao total apurado pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário, não há abertura de processo administrativo nem cobrança de atualização monetária dos valores apurados.
O Bolsa Família atende famílias que vivem em situação de pobreza e de extrema pobreza. Segundo as regras do Programa, podem receber o benefício famílias com renda (por pessoa) de até R$ 85,00 mensais e famílias com renda (por pessoa) entre R$ 77,01 e R$ 170 mensais, desde que tenham, em sua composição crianças ou adolescentes de 0 a 17 anos.

ITABUNA: NÚCLEO DE TECNOLOGIA DE ITABUNA PROMOVE INCLUSÃO DIGITAL NA ESCOLA

Com aula inaugural programada para as 13 horas de terça-feira, dia 27, na Unopar – Avenida Inácio Tosta Filho, 195, no centro de Itabuna –, o Núcleo de Tecnologia Municipal (NTM) da Secretaria de Educação dá início ao calendário de atividades em Tecnologia da Informação destinada a alunos da rede municipal de ensino. Um total de 60 estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA) e das séries finais do ensino fundamental compõe as primeiras turmas com aulas nos três turnos, sendo que as aulas da noite serão realizadas das 17h40min às 20h40min.
Alunos da rede municipal participam de curso no NTM - Foto Divulgação
Alunos da rede municipal participam de curso no NTM
Os instrutores vão ministrar cursos de Introdução a Educação Digital (informática básica Linux), Excel básico e intermediário, informática básica e técnicas administrativas e produção de vídeo para educadores da zona urbana e do campo. De acordo com a coordenadora do NTM, Maria Elizabete Pereira de Almeida, os cursos visam à formação profissional dos estudantes para facilitar sua inserção e atuação no mercado de trabalho e é realizado em parceria com a Unopar que disponibiliza o laboratório de informática para aulas de informática.
Além disso, os alunos terão aulas de Word avançado, Google Drive e programas e jogos educacionais. Neste ano, o Núcleo de Tecnologia Municipal está capacitando secretários escolares, gestores e professores para utilização e suporte do Sistema e-Polis, cursos de noções básicas de informática e rotinas administrativas para alunos das escolas públicas municipais.

ITABUNA: PREFEITURA FAZ RECUOS NOS PONTOS DE ÔNIBUS DA AVENIDA PRINCESA ISABEL

Prefeitura de Itabuna, por meio da Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito (Settran) está construindo recuos em pontos de ônibus da Avenida Princesa Isabel para assegurar fluidez do tráfego de veículos e por fim às retenções nestes locais. O trabalho está acelerado nas imediações do Centro Administrativo Firmino Alves, no São Caetano, onde está sendo implantados dois recuos em cada um dos sentidos da via.
"Mobilidade urbana é uma das prioridades da atual gestão municipal e esse conceito engloba ações pontuais para a melhoria das condições de tráfego de veículos e uma boa sinalização", afirma o diretor de Trânsito da Settran Jorge Teles. Dessa forma ele também justifica o trabalhado na implantação de sinalização de trânsito em diversos pontos da cidade, principalmente nas vias que comportam maior fluxo de veículos diariamente.
Desde 2013 que placas de sinalização de trânsito, horizontais e verticais, e de identificação e de orientação de destino têm sido colocadas na cidade. Esta semana, por exemplo, a equipe do Settran concluiu a sinalização das avenidas Amélia Amado e Ilhéus, com a pintura da faixa de aceleração. Também será instalado recuo em pontos de ônibus em frente ao edifício Itabuna Trade Center, na Avenida Princesa Isabel.

ITABUNA: Sindserv informa -" SOBRE INSALUBRIDADE"

Resultado de imagem para sindserv itabuna

Em relação a uma reunião ocorrida na Avenida Ilhéus, no dia 21 de setembro, convocada por um técnico de segurança, o qual afirmava que os trabalhadores iriam receber insalubridade, o Sindicato dos Servidores Municipais de Itabuna (Sindserv) esclarece que nenhum superior hierárquico da Prefeitura de Itabuna foi informado ou autorizou a realização de tal reunião. O Sindicato estranha que uma reunião seja realizada sem o conhecimento dos gestores. 

Esta é uma luta antiga do nosso sindicato e dos servidores. O Sindserv tem acompanhado de perto o desenvolvimento desta negociação, para garantir que os servidores que façam jus à insalubridade recebam o que lhes é de direito.

 O Sindserv reafirma seu compromisso com a defesa dos direitos dos servidores municipais de Itabuna. Quando obtivermos uma posição oficial a cerca deste tema (laudos, perícias, etc., que foram realizadas em algumas repartições do município) informaremos aos servidores e servidoras através de nota oficial. Qualquer especulação diferente deve ser desconsiderada.

Ensino médio: português e matemática serão únicas obrigatórias; veja o que muda

Resultado de imagem para apenas portugues e matematica sera obrigatorio no ensino medio


Português e matemática serão os dois únicos componentes curriculares obrigatórios nos três anos do ensino médio, de acordo com o novo modelo para a etapa anunciado hoje (22) pelo governo. A definição está em medida provisória (MP) assinada pelo presidente Michel Temer. Atualmente, a etapa tem 13 disciplinas obrigatórias para os três anos.
A MP prevê a flexibilização do ensino médio com o objetivo de torná-lo mais atraente para o jovem, segundo o ministro da Educação, Mendonça Filho. Os componentes curriculares que deverão ser ensinados no período obrigatoriamente serão definidos na Base Nacional Comum Curricular, que começará a ser discutida no próximo mês e deverá ser definida até meados do ano que vem, segundo o Ministério da Educação.
De acordo com a medida provisória, cerca de 1,2 mil horas, metade do tempo total do ensino médio, serão destinadas ao conteúdo obrigatório definido pela Base Nacional. No restante da formação, os alunos poderão escolher seguir cinco trajetórias: linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas - modelo usado também na divisão das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) - e formação técnica e profissional.
“O novo ensino médio tem como pressuposto principal o protagonismo do jovem. Hoje é bastante engessado. Esse modelo caminha na direção da flexibilidade”, disse Mendonça Filho.
Arte e Educação Física
O texto, que modifica a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei 9.394/1996), determina o fim da obrigatoriedade do ensino de arte e de educação física no ensino médio. As disciplinas serão obrigatórias apenas no ensino infantil e fundamental.
As mudanças passarão a valer 180 dias após a publicação da Base Nacional, ou seja, não modificam o atual currículo. De acordo com o secretário de Educação Básica do Ministério da Educação, Rossieli Silva, a intenção é enxugar na lei as obrigatoriedades do ensino médio. “Agora a Base Nacional tem que dizer o que é e o que não é obrigatório nesse um ano e meio. Se eu vou definir ênfases, como eu posso ter todos os conteúdos do mundo? Se eu digo que os 13 conteúdos são obrigatórios?”, questionou.
Segundo Silva, artes e educação física, assim como conteúdos como filosofia e sociologia certamente estarão garantidos na Base Nacional Curricular Comum e poderão voltar a ser obrigatórios.
Idiomas
O inglês passa a ser a língua estrangeira obrigatória que deverá ser ensinada em todas as escolas de ensino médio. Outros idiomas podem ser ensinadas em caráter optativo.
A MP abre a possibilidade que os estados tenham mais autonomia nas decisões referentes a essa etapa da educação básica. Um sistema de ensino poderá, por exemplo, definir um sistema de crédito, no qual um aluno cursa determinados períodos e, caso deixe a escola, possa retomar o curso de onde parou e não tenha, necessariamente, que cursar um ano inteiro.
Também está previsto na MP que os créditos adquiridos pelos alunos nesse caso poderão ser aproveitados no ensino superior, após normatização do Conselho Nacional de Educação (CNE) e homologação pelo MEC. Ao entrar na universidade ou no ensino tecnológico, a trajetória escolar do aluno será considerada e ele não precisará cursar matérias que envolvem conhecimentos e competências que já possui.

Carga horária

A reforma também determina que a carga horária mínima anual da etapa deverá ser progressivamente ampliada para 1,4 mil horas, o que tornará o ensino médio integral, com 7 horas por dia.
A expectativa do MEC é que as primeiras turmas que seguirão a formação de acordo com o Novo Ensino Médio começem em 2018, após a aprovação da Base e da MP pelo Congresso Nacional. Não há prazo para que as redes de ensino se adequem às mudanças, mas o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) trabalha com o cronograma do Plano Nacional de Educação (PNE), que deve ser implementado até 2024.

Ensino técnico

Entre as trajetórias que os estudantes poderão escolher está a formação técnica. Os alunos serão certificados e seus itinerários formativos permitirão a continuidade dos estudos. Essa oportunidade de formação vai ocorrer dentro do programa regular, sem a necessidade de o aluno estar cursando o período integral. No ensino técnico, os alunos poderão ser certificados a cada etapa que cumprirem, recebendo uma certificação das competências adquiridas até ali.
As aulas técnicas poderão ser ministradas por profissionais com notório saber - ou seja, sem formação acadêmica específica na área que leciona -, reconhecido pelos respectivos sistemas de ensino para ministrar conteúdos afins à sua formação. “Isso não vale para os demais conteúdos, se eu tenho o ensino de filosofia, eu vou continuar tendo que ter um professor formado em filosofia, isso não muda. Vale apenas para o ensino técnico”, explicou o secretário de Educação Básica.
Resultados
A reforma do ensino médio passou a ser priorizada pelo governo depois que o Brasil não conseguiu,  por dois anos consecutivos, cumprir as metas estabelecidas para essa etapa da formação. Dados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), que mede a qualidade do ensino no país, mostram que o ensino médio é o que está em pior situação quando comparado às séries iniciais e finais da educação fundamental: a meta para 2015 era nota 4,3, mas o índice ficou em 3,7.
Atualmente, o ensino médio tem 8 milhões de alunos, número que inclui estudantes das escolas públicas e privadas. Segundo o Ministério da Educação, enquanto a taxa de abandono do ensino fundamental foi de 1,9%, a do médio chegou a 6,8%. Já a reprovação no nível fundamental é de 8,2%, frente a 11,5% no ensino médio.

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

ITABUNA MOBILIZA REDE DE ENSINO NO DIA D DO CONSELHO ESCOLAR

Todos os conselheiros das escolas urbanas e rurais da Rede Municipal de Ensino de Itabuna para o biênio 2016/2018 estão mobilizados para participar do Dia D do Conselho Escolar nesta sexta-feira, dia 23. O evento está sendo promovido pela Secretaria Municipal de Educação com o objetivo de atender ao estipulado pela Lei nº 2.054/2007, que disciplina as funções consultiva, deliberativa, fiscalizadora, avaliativa e mobilizadora dessas instituições.
Prefeito de Itabuna Claudevane Leite dá posse aos Conselhos Escolares biênio 2016-2018 - Foto Gabriel de Oliveira 1
A partir das 8 horas ocorrerão atividades em cada unidade escolar dentro do projeto que também prevê ações junto à comunidade escolar para maior integração entre a escola e Conselho Escolar, alunos, pais ou responsáveis e de suas famílias, através da prestação de serviços de cunho informativo, educativo, preventivo e social.
O Conselho Escolar representa a democrática gestão escolar, pois sua composição abarca todos os segmentos essenciais ao funcionamento de uma escola. "Se o Conselho efetivamente tomar para si os papéis de agente fiscalizador, de consultor, de acompanhamento e de apoiador da gestão escolar, certamente, teremos processos mais transparentes e mais participativos na construção da escola de qualidade", afirma a secretária municipal de Educação, Dinalva Melo do Nascimento.
Posse dos Conselhos Escolares biênio 2016-2018 - Foto Gabriel de Oliveira 1
Segundo a assessora técnica-pedagógica da Secretaria Municipal da Educação (SEC) para os Conselhos Escolares da Rede Municipal de Ensino, Inês Sobrinho da Silva Pereira, cada escola terá sua própria programação. Mas, todas receberam um informativo contendo as principais ações a serem desenvolvidas durante o Dia D do Conselho Escolar.

PREFEITURA ESTIMULA EDUCAÇÃO INCLUSIVA NA REDE DE ENSINO DE ITABUNA

Como um método educacional humanístico e democrático e que percebe o sujeito em sua singularidade, a educação inclusiva é desenvolvida pela Prefeitura de Itabuna, por meio da Secretaria Municipal de Educação, na rede municipal de ensino. A metodologia assegura a defesa do direito de todos os alunos da rede aprenderem mesmo com suas limitações, participando diretamente do processo educacional, sem nenhum tipo de discriminação.
Técnica pedagógica da Educação Inclusiva da SEC Sumara Santana Midlej e a diretora do CEPEI Marisa Aguiar - Foto Lucas França 1
Técnica pedagógica da Educação Inclusiva da SEC Sumara Santana Midlej e a diretora do CEPEI Marisa Aguiar
Há três anos que a Prefeitura vem garantindo o crescimento, a satisfação pessoal e a inserção social de todos os alunos que necessitam de maior atenção. A reforma e ampliação do Centro de Psicopedagógico da Educação Inclusiva (CEPEI), no bairro de Fátima, a implantação de Sala de Recurso Multifuncional em 28 escolas da rede e de classe hospitalar, além da contratação de interpretes da Língua Brasileira de Sinais (Libras) atende ao projeto da administração do prefeito Claudevane Leite de educação inclusiva.
Atualmente 510 alunos especiais estão matriculados na rede municipal de ensino, o que constitui novo paradigma educacional. "No CEPEI, por exemplo, os professores e técnicos da Secretaria Municipal de Educação atuam nas seguintes áreas de atendimento: deficiência intelectual, transtorno do espectro autista, deficiências visual e auditiva, distúrbios de aprendizagem – TDAH, Dislexia, Dificuldade de aprendizagem, etc.", informa a diretora da unidade Marisa Aguiar.
Técnica pedagógica da Educação Inclusiva da SEC Sumara Santana Midlej e a diretora do CEPEI Marisa Aguiar - Foto Lucas França 2
Técnica pedagógica da Educação Inclusiva da SEC Sumara Santana Midlej e a diretora do CEPEI Marisa Aguiar
SERVIÇOS
A diretora do CEPEI destaca que são oferecidos acompanhamento pedagógico, serviços de psicologia e de fonoaudiologia, psicomotricidade, arte-educação e musicoterapia. "Assim, com a educação inclusiva podemos educar as crianças num mesmo contexto escolar. A opção por este tipo de educação não significa negar as dificuldades dos estudantes. Ao contrário. Com a inclusão, as diferenças não são vistas como problemas, mas como diversidade", sublinha.
Cepei no bairro de Fátima -  Foto Pedro Augusto
Cepei no bairro de Fátima
"A educação inclusiva apoia os deficientes numa educação especial dentro da escola regular e transforma a escola em um espaço para todos. Favorece a diversidade na medida em que considera que todos os alunos podem ter necessidades especiais em algum momento de sua vida escolar", destacou técnica pedagógica da Educação Inclusiva da Secretaria Municipal de Educação (SEC), Sumara Santana Midlej.
DIA D
Para apresentar à sociedade grapiúna as potencialidades e especialidades das pessoas com necessidades educacionais especiais, bem como divulgar os serviços oferecidos pela Prefeitura de Itabuna na educação inclusiva, a Secretaria Municipal de Educação, através do Departamento de Educação Básica (DEB), vai realizar, entre as 9 e 16 horas da próxima terça-feira, dia 27, o Dia D da Educação Inclusiva, na Praça Olynto Leone, no centro da cidade.
Além disso, equipes de formação continuada estarão realizando serviços nas áreas de deficiência visual, transtorno de déficit de atenção com hiperatividade, deficiência intelectual e transtorno autista. "Nossa intenção com o Dia D da Educação Inclusiva é preservar a diversidade apresentada nas escolas municipais, o que representa a oportunidade para o atendimento das necessidades educacionais com ênfase nas competências, capacidades e potencialidades do educando", diz Sumara Santana Midlej.

IBICARAÍ: POR UNANIMIDADE TRE LIBERA CANDIDATURA DE MONALISA

monali

Na tarde desta quarta-feira por unanimidade o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), deferiu o registro de candidata a prefeita de Ibicaraí de Monalisa Tavares (PMDB).

O Ministério Público Eleitoral tinha apresentado um parecer pelo deferimento, e isso pesou na decisão dos membros do TRE.

Monalisa Tavares tinha sido indeferida pela justiça eleitoral, por ter tido contas rejeitadas pela câmara de vereadores.

A candidata teve a sua defesa feita pelo renomado advogado Michel Reis.

UNA: EM MEIO A CRISE, VEREADORES AUMENTAM EM 25% SEUS SALÁRIOS

camu

A câmara de vereadores de Una aprovou nesta semana o aumento salarial dos vereadores. O salário dos parlamentares obteve reajuste de 25%. O projeto aprovado também reajusta salários do prefeito e vice-prefeito.

Com o reajuste, o salário do vereador será de R$ 7.500,00, o prefeito R$ 21.000,00 e o vice R$ 10.500,00.

O reajuste vai na contramão dos cortes orçamentários promovidos por vários prefeituras e do governo do Estado. Em meio a uma grave crise econômica no estado que vem sendo despejada nas costas dos servidores públicos e da população como um todo, tal medida choca a todos que vem sofrendo com a crise.

RUI PEDE AGILIDADE A VEREADORES EM VOTAÇÃO DE CONVÊNIO DA ÁGUA EM ITABUNA

Após assinatura de cooperação, Rui pede agilidade a vereadores (Foto Pedro Moraes).

O governador Rui Costa pediu agilidade aos vereadores na aprovação do convênio que transfere os serviços de água e esgoto de Itabuna da Emasa para a empresa estadual Embasa. “Peço que votem o mais rápido possível”, disse ele se voltando aos vereadores que estavam presente na solenidade, na sede regional da Embasa em Itabuna.
Um dos presentes na solenidade na Embasa em Itabuna, o presidente da Câmara se comprometeu a dar celeridade na análise do convênio. “Vou colocar para tramitar o mais rápido possível”, afirmou Aldenes Meira ao PIMENTA. No final da manhã, termo de cooperação foi assinado pelo governador, o prefeito Claudevane Leite e o presidente da Embasa, Rogério Cedraz.
Rui se comprometeu a regularizar o abastecimento de água no município em até 120 dias após a assinatura do convênio, que depende de aprovação do legislativo itabunense. O governo estadual anunciou plano de investimento superior a R$ 30 milhões para modernizar a captação e distribuição de água, com aquisição de equipamentos e reservação d´água.

R$ 260 MILHÕES EM INVESTIMENTOS

Cedraz, presidente da Embasa.
De acordo com o presidente da Embasa, a empresa, se assumir o serviço, investirá em torno de R$ 230 milhões para elevar a cobertura da rede de esgotamento sanitário de Itabuna para 80% dos lares, com coleta e tratamento dos dejetos, mais R$ 30 milhões para regularizar a água. Hoje, o percentual de tratamento é de aproximadamente 13%. “Ao longo da concessão, à medida que conseguirmos, vamos antecipar estes investimentos”, afirmou Rogério Cedraz ao PIMENTA.
O município concordou em repassar a gestão da água e do esgoto para a Embasa com a garantia de que a empresa estadual absorva 150 dos 308 funcionários concursados da Emasa. O estado topou a condição. Inicialmente, a Embasa aceitava incorporar somente 100 dos concursados.
O governo baiano também se comprometeu a absorver toda a dívida atual, estimada em mais de R$ 26 milhões, excluindo a previdenciária, hoje em torno de R$ 50 milhões. Para saldar esta dívida, a Embasa repassará 3% da arrecadação tarifária para o município.
“Com o estado assumindo a gestão, a Embasa poderá fazer volume de investimento para recuperar sistema e ampliar a produção de água”, disse Rui. O governador disse ter acordado com os ministérios públicos a elaboração de um plano de saneamento provisório, com validade de 12 meses, para que a Câmara vote o convênio. “Durante estes 12 meses, iríamos elaborar e revisar todo o plano de saneamento”, acrescentou.

PROMOTORIA: TRANSFERÊNCIA É “MELHOR SOLUÇÃO”

Patrick Pires, do MP-BA.
O prefeito Claudevane Leite (Vane do Renascer) disse que o convênio, se aprovado pela Câmara, restabelece a Embasa sendo responsável pela gestão dos serviços de saneamento. “[O serviço] volta para onde nunca deveria ter saído”, disse ele, que relatou dívidas de R$ 86 milhões encontradas em 2013. “Desse valor, ainda pagamos R$ 15 milhões”, acrescentou.
Vane também reforçou que a crise hídrica apressou a “Solução Embasa”, quando a empresa passou a arrecadar apenas 38% do valor faturado mensalmente. Segundo ele, a Emasa estava arrecadando R$ 1 milhão e gastando R$ 1,2 milhão no período mais crítico da falta de água.
O promotor público estadual Patrick Pires disse entender que a transferência dos serviços para a Embasa é a melhor solução. De acordo com ele, todo o processo “está sendo feito de forma transparente”.

ITABUNA: Acusado de tráfico é preso no bairro de Fátima


Policiais da Base Comunitária de Segurança e do Serviço de Missões Especiais (SME) prenderam, na noite desta terça-feira (20), no bairro de Fátima, em Itabuna, Akauã Simões. Ele é acusado de tráfico de drogas. 

Com ele, a polícia apreendeu uma grande quantia em dinheiro e aproximadamente 1 kg de crack.

Veja como conferir número do título de eleitor e locais de votação


As eleições municipais serão realizadas a menos de duas semanas e, para evitar surpresas, o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) recomenda que eleitores consultem os números de zonas e seções eleitorais. A consulta pode ser feita através do portal do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA). 

No site do Regional. No menu principal, o eleitor deve seguir o seguinte caminho: Eleitor/Título e local de votação. Na página, será possível solicitar a consulta tanto por nome quanto pelo número do título. 

O Tribunal lembra ainda que, conforme Calendário Eleitoral, o prazo para o cidadão requerer a 2ª via do título dentro do seu domicílio eleitoral termina nesta quinta-feira (22). O TRE-BA esclarece, no entanto, que o eleitor poderá votar utilizando apenas o documento oficial com foto.

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Acaba previsão de concurso federal para 2016



Não há mais nenhum concurso federal previsto para este ano, segundo levantamento feito pelo G1. A última portaria do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão publicada no “Diário Oficial da União” referente a concursos públicos foi no dia 24 de agosto, autorizando a nomeação de 600 aprovados na seleção do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para os cargos de cargo de técnico em informações geográficas e estatísticas, analista de planejamento, gestão e infraestrutura em informações geográficas e estatísticas e tecnologista em informações geográficas e estatísticas.

Segundo nota do Ministério do Planejamento, as nomeações autorizadas no IBGE não estavam em desacordo com as medidas adotadas em setembro do ano passado para reduzir gastos da União, que previa, entre outras providências, a suspensão dos concursos e das nomeações.

O concurso para o IBGE foi autorizado em 24 de julho de 2015, anterior à data de adoção das medidas e está entre as seleções com as nomeações asseguradas no número de vagas dos editais publicados e dentro prazo de validade final dos concursos.

Ainda pelo levantamento feito pelo G1, o último concurso autorizado pelo governo federal foi na Fiocruz, para 150 vagas, cujos editais já foram publicados. Dois ainda estão com inscrições abertas, para o total de 119 vagas. Além disso, os últimos dois concursos que estavam autorizados e tiveram os editais divulgados foram da Anvisa e da Dataprev. Para todas essas seleções, as nomeações dos aprovados também estão asseguradas.

A suspensão dos concursos públicos em 2016 foi anunciada em setembro de 2015 e abrangeu até 40.389 cargos reservados para provimento, admissão ou contratação, referentes a todos os Poderes, ao Ministério Público da União (MPU) e ao Conselho Nacional do Ministério Público. A medida teve o objetivo de economizar R$ 1,5 bilhão em gastos este ano.

GOVERNO DO ESTADO E EMBASA ANUNCIAM APORTES NO SANEAMENTO DE ITABUNA

Ao discursar na solenidade de assinatura do protocolo que prevê a gestão do saneamento básico de Itabuna pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), com a transferência das obrigações da Empresa Municipal de Saneamento Ambiental (Emasa), o governado Rui Costa, ao lado do prefeito Claudevane Leite, disse que, 120 dias após a assinatura do contrato, o Governo do Estado e a concessionária farão aportes no sistema. A solenidade contou com a presença do presidente da Emasa, Abraão Ribeiro, e dos secretários estaduais de Infraestrutura Hídrica e Saneamento, Cássio Peixoto, e de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, e do presidente da Embasa, Rogério Cedraz.
Prefeito de Itabuna Claudevane Leite e Governador Rui Costa assinam protocolo da Embasa - Foto Pedro Augusto 1
O próximo passo será a aprovação pela Câmara de Vereadores do convênio entre o município e o Governo do Estado para a assinatura do contrato-programa que permitirá a Embasa operacionalizar o sistema de saneamento. "Garantiremos água de qualidade e no volume necessário para o consumidor de Itabuna no prazo da assinatura contratual", afirmou Rui Costa. O governador disse que dos atuais 308 funcionários da Emasa 150 serão transferidos para a Embasa. "Não haverá demissões porque os 158 funcionários restantes passarão a ser incorporados à Prefeitura", complementou.
Governador Rui Costa discursa na assinatura do protocolo da Embasa - Foto Pedro Augusto 2
"Esta assinatura é simbólica, mas ainda é preciso a aprovação do convênio na Câmara de Vereadores e também do Plano de Saneamento. Somente depois o contrato vai ser assinado. E, a partir de 120 dias da assinatura do contrato, nós vamos regularizar o abastecimento, por meio de fortes investimentos, para as pessoas perceberem no volume e na qualidade a diferença da água que Itabuna vai consumir" disse Rui Costa, que considerou a solenidade um momento histórico para o povo de Itabuna.
Prefeito de Itabuna Claudevane Leite e Governador Rui Costa assinam protocolo da Embasa - Foto Pedro Augusto 2
O prefeito Claudevane Leite lembrou que de terceira empresa em arrecadação no Estado, a Emasa lhe foi entregue em 2013 sucateada, com dívidas de mais de R$ 86 milhões, excluído o débito de R$ 52 milhões referente aos ativos da Embasa cedidos em comodato quando a criação da empresa municipal. "Nos primeiros 15 dias, depois de assumir o mandato, recebemos ordem de despejo da sede porque nem os alugueis tinham sido pagos pelas sucessivas diretorias da Emasa. Com esforço, conseguimos pagar R$ 15 milhões, mas a crise hídrica nos trouxe graves problemas", afirmou o prefeito de Itabuna.
Prefeito de Itabuna Claudevane Leite fala sobre as dificuldades enfrentadsa pela Emasa - Foto Pedro Augusto 2
De acordo com Vane "estamos devolvendo o saneamento básico do município para o local de onde jamais deveria ter saído", explicou. O prefeito acrescentou que a partir do Procedimento para Manifestação de Interesse (PMI), que teve a participação da Embasa e de outras empresas, "se viu o grave problema da oferta de água e a defasagem do sistema de esgotamento sanitário, condições que ficaram ainda mais complicadas com a prolongada estiagem", sublinhou. Segundo o prefeito, a empresa municipal investiu R$ 1,5 milhões mensais no abastecimento emergencial com carros pipa enquanto sua arrecadação faturada era de apenas R$ 2 milhões.
Prefeito de Itabuna Claudevane Leite fala sobre as dificuldades enfrentadsa pela Emasa - Foto Pedro Augusto
O presidente da Embasa, Rogério Cedraz, afirmou que serão cumpridas quatro etapas para a gestão total de saneamento de Itabuna, cuja importância realçou, reconhecendo ainda que a cidade não tem o sistema que sua população necessita. A próxima etapa será o envio de projeto de lei autorizativa pelo prefeito Claudevane Leite amanhã à Câmara de Vereadores, a quem caberá homologar o convênio de cooperação.
"Já temos sinal verde do Ministério Público estadual e federal para um Plano Municipal de Saneamento Básico válido por um ano. Um fundo de saneamento será criado para que três por cento da arrecadação sejam repassados à Prefeitura para a questão de resíduos sólidos e drenagem", disse Cedraz. O presidente da Embasa disse ainda que a empresa já tem pronto um plano de emergência com a previsão de adução de água do Rio das Contas, abertura de alguns poços artesianos ou construção de barragens sucessivas para ampliar a oferta de água.
Governador Rui Costa discursa na assinatura do protocolo da Embasa - Foto Pedro Augusto 1
Numa segunda etapa, a Embasa anuncia melhoria efetiva do sistema de abastecimento com a criação de novas redes de distribuição, reservação de água e automação de estações. Além disso, a barragem do Rio Colônia está com as obras adiantadas com previsão de conclusão ano que vem. A terceira etapa diz respeito aos investimentos de R$ 7 milhões no esgotamento sanitário, com a recuperação de estações elevatórias e recuperação de sistemas. "Vamos colocar Itabuna no mesmo nível dos demais municípios que têm entre 70% e 80% de cobertura", disse o presidente Rogério Cedraz, que prevê aportes de até R$ 220 milhões nos próximos anos na quarta etapa.
Governador Rui Costa discursa na assinatura do protocolo da Embasa - Foto Pedro Augusto 7

RUI PEDE AGILIDADE A VEREADORES EM VOTAÇÃO DE CONVÊNIO DA ÁGUA EM ITABUNA

Após assinatura de cooperação, Rui pede agilidade a vereadores (Foto Pedro Moraes).

O governador Rui Costa pediu agilidade aos vereadores na aprovação do convênio que transfere os serviços de água e esgoto de Itabuna da Emasa para a empresa estadual Embasa. “Peço que votem o mais rápido possível”, disse ele se voltando aos vereadores que estavam presente na solenidade, na sede regional da Embasa em Itabuna.
Um dos presentes na solenidade na Embasa em Itabuna, o presidente da Câmara se comprometeu a dar celeridade na análise do convênio. “Vou colocar para tramitar o mais rápido possível”, afirmou Aldenes Meira ao PIMENTA. No final da manhã, termo de cooperação foi assinado pelo governador, o prefeito Claudevane Leite e o presidente da Embasa, Rogério Cedraz.
Rui se comprometeu a regularizar o abastecimento de água no município em até 120 dias após a assinatura do convênio, que depende de aprovação do legislativo itabunense. O governo estadual anunciou plano de investimento superior a R$ 30 milhões para modernizar a captação e distribuição de água, com aquisição de equipamentos e reservação d´água.

R$ 260 MILHÕES EM INVESTIMENTOS

De acordo com o presidente da Embasa, a empresa, se assumir o serviço, investirá em torno de R$ 230 milhões para elevar a cobertura da rede de esgotamento sanitário de Itabuna para 80% dos lares, com coleta e tratamento dos dejetos, mais R$ 30 milhões para regularizar a água. Hoje, o percentual de tratamento é de aproximadamente 13%. “Ao longo da concessão, à medida que conseguirmos, vamos antecipar estes investimentos”, afirmou Rogério Cedraz ao PIMENTA.
O município concordou em repassar a gestão da água e do esgoto para a Embasa com a garantia de que a empresa estadual absorva 150 dos 308 funcionários concursados da Emasa. O estado topou a condição. Inicialmente, a Embasa aceitava incorporar somente 100 dos concursados.
O governo baiano também se comprometeu a absorver toda a dívida atual, estimada em mais de R$ 26 milhões, excluindo a previdenciária, hoje em torno de R$ 50 milhões. Para saldar esta dívida, a Embasa repassará 3% da arrecadação tarifária para o município.
“Com o estado assumindo a gestão, a Embasa poderá fazer volume de investimento para recuperar sistema e ampliar a produção de água”, disse Rui. O governador disse ter acordado com os ministérios públicos a elaboração de um plano de saneamento provisório, com validade de 12 meses, para que a Câmara vote o convênio. “Durante estes 12 meses, iríamos elaborar e revisar todo o plano de saneamento”, acrescentou.

PROMOTORIA: TRANSFERÊNCIA É “MELHOR SOLUÇÃO”

O prefeito Claudevane Leite (Vane do Renascer) disse que o convênio, se aprovado pela Câmara, restabelece a Embasa sendo responsável pela gestão dos serviços de saneamento. “[O serviço] volta para onde nunca deveria ter saído”, disse ele, que relatou dívidas de R$ 86 milhões encontradas em 2013. “Desse valor, ainda pagamos R$ 15 milhões”, acrescentou.
Vane também reforçou que a crise hídrica apressou a “Solução Embasa”, quando a empresa passou a arrecadar apenas 38% do valor faturado mensalmente. Segundo ele, a Emasa estava arrecadando R$ 1 milhão e gastando R$ 1,2 milhão no período mais crítico da falta de água.
O promotor público estadual Patrick Pires disse entender que a transferência dos serviços para a Embasa é a melhor solução. De acordo com ele, todo o processo “está sendo feito de forma transparente”.

ITABUNA: TICKET VAI VIRAR LEI!



Os servidores municipais de Itabuna estão próximos de consolidar a principal conquista obtida pela categoria nos últimos anos. O ticket alimentação vai virar lei! No dia 19 de setembro, na Sala das Comissões, o vereador Jairo Araújo (PCdoB) apresentou parecer favorável à aprovação. Agora o projeto segue para votação em dois turnos no plenário da Câmara. A primeira votação ocorre nesta quarta-feira, 21, e a segunda está prevista para o dia 28/09. “Transformar o ticket em lei representa uma grande conquista para a categoria e deve ser comemorada, pois agora teremos a segurança de que não perderemos o benefício com as mudanças de gestão”, afirmou Wilmaci Oliveira, presidenta do Sindicato dos Servidores Municipais de Itabuna.


NOVOS CRITÉRIOS - O Sindserv lembra os servidores e servidoras que os novos critérios do ticket passam a valer a partir da competência do mês de setembro/2016. Isso quer dizer que os novos valores serão creditados em outubro/2016. Pelo acordo firmado durante a campanha salarial, quem recebe até R$ 1.500,00 tem direito ao valor de R$ 120,00 e quem recebe acima de R$ 1.500,00 tem direito a R$ 40,00.

Vale lembrar que antes do acordo apenas os servidores que recebiam até R$ 1.100,00 tinham direito ao ticket.

UNIVERSIDADES ESTADUAIS BAIANAS PERDEM POSIÇÕES NO RANKING FOLHA

Uesc perdeu duas posições no ranking anual da Folha (Foto Robson Duarte).

Apesar de leve melhora na nota, a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) caiu duas posições no ranking universitário anual divulgado pela Folha. Era 63º em 2015 e ficou em 65º neste ano, embora a nota tenha saído de 53,91 para 56,68. Foi a menor queda dentre as quatro instituições de ensino superior estaduais.
O Ranking Universitário Folha (RUF) leva em conta desempenho nas áreas de ensino, pesquisa, inovação, internacionalização e mercado.
A Universidade Federal da Bahia (UFBA) se saiu melhor entre as universidades públicas e particulares na Bahia, na 14ª posição, com nota 86,94, ante a 15ª posição no ano passado (85,33). A escala vai de 0 a 100.
A Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs) figura em 65ª posição, com 58,99, porém era 60ª no ano passado (56,36). A Universidade do Estado da Bahia (Uneb) aparece em 93ª colocação, nota 43,87. Era 81ª em 2015, com 45,34.
Das estaduais públicas, a pior colocada foi a Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), com 41,69 e 104ª posição. Já em 2015, aparecia em posição melhor (79ª), com nota 47,45.
A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) também caiu. De 107º (37,10) para 121º (36,33) agora.
MELHOR PARTICULAR DA BAHIA É 123ª
A melhor entre as particulares da Bahia é a Unifacs, figurando na 123ª posição com a nota 36,13, abaixo da obtida em 2015, quando alcançou o 103º lugar e a nota 38,05.
Com 25,58, a Católica (Salvador) é apenas a 159ª em 2016. Melhorou em relação ao ano passado, período em que figurou na 164ª colocação com nota 19,64. As demais não figuram na lista, que reúne 195 instituições de ensino superior públicas e privadas.
O ranking deste ano é liderado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), desbancando a Universidade de São Paulo (USP), com nota 97,46 contra 97,03.

GREVE DOS BANCÁRIOS FECHA QUASE MIL AGÊNCIAS NA BAHIA

Greve começou no dia 6 e fecha quase mil agências (Foto Pimenta).


A greve nacional dos bancários completou duas semanas nesta terça-feira (21) e já paralisa as atividades em 951 agências no estado, sendo 271 em Salvador, de acordo com estimativa do sindicato da categoria. Para o presidente da entidade, Augusto Vasconcelos, existem intimidações por parte dos empresários no sentido de tentar judicializar a greve e criminalizar o movimento.
Segundo ele, há também ameaças de demissões e assédio moral por parte dos empresários. “Não há nada que possa se considerar ilegal. Achamos ruim esse tipo de postura, pois preferíamos resolver de forma pacífica. A postura deles é incompatível com o lucro que os bancos tiveram no primeiro semestre”, analisa.
Augusto alega que os bancos podem usar o instrumento do interdito proibitório, que protege posses de agressões iminentes. “Sempre eles ameaçam para criminalizar a nossa greve em uma tentativa de dizer que estamos tomando a propriedade deles quando colocamos faixas, por exemplo. O que nós estamos fazendo é manifestação na porta de agências. Eles querem fazer é caracterizar essa manifestação como uma tomada de posse”, afirmou.
Depois de reunião na última quinta-feira (15), as duas partes interromperam as negociações e ainda não há perspectiva de quando elas devem ser retomadas. Os trabalhadores pedem reajuste salarial de 14,62%, ou seja, reposição da inflação (9,62%) mais 5% de aumento real, PLR de três salários mais R$ 8.317,90, contratações, atenção à saúde, segurança e melhores condições de trabalho. Os bancos, por outro lado, oferecem reajuste salarial de 7% e abono de R$ 3,3 mil.
Para Augusto, o caminho ideal é o da retomada das negociações, para que não haja mais prejuízo aos trabalhadores, às empresas e à população. “A greve respeita todos os preceitos da lei, cumpre tudo que é estabelecido na legislação”, garante.

terça-feira, 20 de setembro de 2016

SAS PROSSEGUE ATUALIZAÇÃO DE CADASTRO ÚNICO EM ITABUNA

A Prefeitura de Itabuna, por meio da Secretaria de Assistência Social (SAS) prossegue com o atendimento às famílias de baixa renda ou aquelas que integram o Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) do Governo federal que receberam carta do Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDS) para regularização de dados. Quem foi notificado tem prazo até o dia 16 de dezembro. Ao todo são três mil famílias com algum tipo de benefício de programas sociais que ainda não compareceram para atualização cadastral.
Aposentada Elenice Ferreira dos Santos moradora do  Jorge Amado elogiou a organização da SAS - Foto Wilson Oliveira 3
Aposentada Elenice Ferreira dos Santos moradora do  Jorge Amado elogiou a organização da SAS
Caso não atendam ao convite do MDS, os beneficiários poderão ter dificuldade de manter os benefícios que, inclusive, poderão ser cancelados. No Cadastro Único estão inscritos os beneficiários que mantém o Número de Identidade Social (NIS), o que facilita o pagamento de contas mais baratas de energia e acesso a diversos programas sociais, a exemplo do Programa Bolsa Família, Benefício de Prestação Continuada (BPC) e o Projovem Adolescente.
Na manhã de hoje a dona de casa Noélia Adelina da Paixão Santos compareceu à Secretaria da Assistência Social, no Jardim Vitória, para atualização do cadastro. "Recebi a carta pedindo para comparecer. Trouxe os documentos necessários, como RG, CPF e conta de energia. Agora é só aguardar o atendimento da SAS para atualização do cadastro", declarou.
Dona de casa Noélia Adelina da Paixão Santos atualizou o CadÚnico - Foto Wilson Oliveira  2
Dona de casa Noélia Adelina da Paixão Santos atualizou o CadÚnico
Já a aposentada Elenice Ferreira dos Santos, moradora do bairro Jorge Amado, tinha acabado atualizar seus dados cadastrais. "Tinha mais de dois anos que não atualizava o cadastro. Agora vim atualizar para que não haja suspenção do meu beneficio. Graças a Deus, aqui tudo é organizado e o atendimento é rápido. Agora estou mais tranquila", disse.
A diretora do Departamento de Combate à Pobreza da SAS, Caroline de Oliveira Suzart, esclarece que para obter o Número de Identidade Social (NIS) é necessário ao beneficiário estar inserido no Cadastro Único caso contrário não terá condições de obter qualquer um dos benefícios sociais oferecidos pelo Governo federal. "A intenção de um cadastro único é a de contribuir para evitar o desperdício de recursos e aperfeiçoar a gestão dos programas. O cadastramento não significa a inclusão automática em programas sociais", observa.
As famílias que receberam a carta do MDS devem comparecer a Secretaria da Assistência Social munidos de documentos como: RG, CPF, conta de energia, além de certidão de nascimento, RG ou CPF dos filhos, caso tenham filhos. As principais informações cadastradas são: características do domicílio (número de cômodos, tipo de construção, tratamento da água, esgoto e lixo), a composição familiar, a identificação e documentação civil de cada membro da família, rendimentos e despesas familiares como, por exemplo, aluguel, transporte, alimentação, etc.

ITABUNA: MANGABEIRA SE IRRITA EM DEBATE

7baffc52 d989 4cac 82e1 ec93d7eff38d 1

O candidato a prefeito de Itabuna Antônio Mangabeira (PDT) está mostrando a verdadeira face a cada dia. Conhecido por sua arrogância peculiar, reforçada pela tese de não dialogar com ninguém como forma de se apresentar como limpo, o velho Manga, não suportou a pressão do arrojado candidato Zé Roberto do PSTU.
Após dizer em uma entrevista que com um disco voador e apenas um agente de endemias o problema da dengue se resolve, como em municípios de Santa Catarina, o candidato do PDT foi insuflado pelo candidato do PSTU em um debate na Igreja presbiteriana no Vila Anália.
Zé Roberto falou sobre candidatos que teriam enriquecido as custas de verbas do SUS. Mangabeira, arregaçando as mangas, típico de quem quer sair na porrada, e visivelmente nervoso, disse pra quem quisesse ouvir. "Meu amigo, eu não atendo o sus, minha clínica não atende o SUS". Será que ele não gosta mesmo de pobre? afirmou, tendo que ser acalmado pela organização do evento.

http://ipolitica.blog.br/

QUASE 30% DOS ELEITORES NÃO TÊM ENSINO FUNDAMENTAL COMPLETO

titulo-de-eleitor-votacao


Dos mais de 144 milhões de eleitores aptos a irem às urnas no próximo dia 2 de outubro para eleger vereadores e prefeitos, 41,1 milhões (28,5%) informaram à Justiça Eleitoral que não completaram o ensino fundamental, que compreende as séries do 1º ao 9º ano. Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), 27,39 milhões de eleitores (19%) completaram o ensino médio, enquanto 27,38 milhões disseram não ter concluído essa etapa.

GRAU DE INSTRUÇÃO

De acordo com o TSE, 15,4 milhões de eleitores (10,7%) leem e escrevem; 10,1 milhões (7%) terminaram o ensino fundamental; 9,5 milhões (6,6%) têm diploma de ensino superior e 5,9 milhões (4,1%) iniciaram, mas não concluíram o curso universitário. Do total de eleitores, 6,9 milhões disseram-se analfabetos e 90 mil não informaram o grau de instrução.

HOMENS E MULHERES

Do eleitorado apto a votar em outubro,75,2 milhões são mulheres (53,2%), 68,7 milhões (47,7%) são homens e 95,2 mil não informaram o sexo.
Do total do sexo feminino, 44 milhões têm idade entre 21 e 49 anos; 22,9 milhões, de 50 a 79 anos; 5,1 milhões, de 16 a 20 anos; e 2,2 milhões têm idade superior a 79 anos.
Entre os eleitores do sexo masculino, 41,2 milhões têm idade entre 21 e 49 anos; 19,9 milhões, 50 a 79 anos; 5,1 milhões estão na faixa etária entre 16 e 20; e 1,7 milhão têm mais de 79 anos de idade.

SEGUNDO TURNO

As eleições municipais deste ano serão realizadas em 5.568 cidades e, por isso, as estatísticas da Justiça Eleitoral não levam em conta o quantitativo de eleitores residentes no Distrito Federal e em Fernando de Noronha (PE). Nesses locais, não há pleitos para escolha de prefeitos e vereadores.
Do total de cidades onde haverá eleição, há a possibilidade de haver segundo turno em 92. Nas últimas eleições municipais, em 2012, 83 municípios tinham mais de 200 mil eleitores.

Alunos se revoltam com curso de pedagogia da Unime Itabuna



Os alunos do curso de Pedagogia da Unime, representados por uma comissão eleita pelos demais colegas de sala com o aval da então Coordenadora Siomara Mello Bastos, vêm por meio desta, manifestar repúdio às atitudes da mesma em reuniões e principalmente em sala de aula, às medidas tomadas de forma arbitrária pela líder em questão tem criado desconforto em todos os semestres de Pedagogia da distinta instituição, ao passo que somos ameaçados, coagidos desrespeitados e em alguns casos convidados a deixar a instituição Unime, o poder centralizado e repressor do curso vem sendo notado e repudiado pelos 8 semestres de pedagogia á algum tempo. Segunda feira dia 15 de agosto de 2016, nós líderes fomos convocados através de áudios de baixo calão a comparecermos em uma reunião para “lavarmos as roupas sujas”. Na devida data, dia 16 de agosto do semestre corrente, aconteceu a tão aguardada reunião, onde fomos desrespeitados, enxovalhados por ofensas ao passo que um de nossos colegas pediu a palavra e exigiu o mínimo de compostura da coordenadora do curso, que não se deu por satisfeita o convidou a sair, deixando bem claro que, a instituição não precisava de nós alunos pagantes, que podíamos procurar outras instituições de Ensino Acadêmico, já que ela mandava em tudo e seguia orientações da coordenadora geral (Acadêmica) Maria Luiza Comper.

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Governo prepara decreto para cruzamento de dados de beneficiários do Bolsa Família



O governo federal deve editar nos próximos dias um decreto para viabilizar o cruzamento de dados dos interessados em se inscrever no programa Bolsa Família com as informações de órgãos como Receita Federal e Ministério do Trabalho. 

De acordo com a revista Veja, o ministro de Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, informou que a ideia é evitar que pessoas que possuem patrimônio ou que não se enquadrem nas regras do programa passem a receber o benefício. 

Após do decreto, a gestão Temer prevê outra parceria da pasta com a Caixa Econômica Federal para promover o cadastro de pessoa física (CPF) para os beneficiários que ainda não tenham o documento. Dessa forma, se um inscrito informar que tem cinco filhos sem documentos, cada um deles receberá um CPF. 

O objetivo é facilitar o cadastro e evitar uma modalidade de fraude ao programa, que inclui a contabilização da mesma criança em várias famílias para ampliação da quantia do benefício.  Do Portal NS

ITABUNA: Parada Gay 2016











PREFEITURA DE ILHÉUS CONVOCA MAIS 112 APROVADOS EM CONCURSO PÚBLICO

Prefeitura convoca mais 112 aprovados no concurso (Foto Alfredo Filho).

A Prefeitura de Ilhéus convocou 112 profissionais da área de saúde e professores aprovados no último concurso público. São 98 educadores e 14 profissionais da área da saúde.
A lista completa está disponível na edição eletrônica do Diário Oficial (clique aqui). O profissional convocado tem até 14 de outubro para se apresentar no Anexo de Secretarias do Palácio Paranaguá, no centro de Ilhéus.
O prazo de trinta dias para apresentação e contratação está definido em portarias assinadas pelo secretário de Administração, Ricardo Machado, e pelo prefeito em exercício, Carlos Machado Filho (Cacá), informa o Blog do Gusmão.
O concurso público foi realizado no primeiro semestre deste ano e ofereceu total de 531 cargos. O certame tem validade de dois anos. As convocações feitas até agora foram para as áreas de saúde. Educação é a primeira vez.